Juan Velarde

Informações sobre o piloto

Biografia do piloto

Declarações do Piloto

Um dos principais pilotos de Espanha, Juan Velarde cumpriu o seu terceiro ano de competição na Red Bull Air Race World Championship. Velarde destacou-se na temporada inaugural da Challenger Cup (2014) e tem feito progressos impressionantes, pelo que será apenas uma questão de tempo até os seus fãs poderem assistir à sua ascensão ao pódio da Master Class.

Velarde tem um sorriso caloroso que está sempre presente, mesmo quando tem de apertar o seu 1,89 metros no minúsculo cockpit do avião. Fora das provas, o madrileno comanda um Airbus A330 da Iberia Airlines. Estudou pilotagem nos Estados Unidos da América, no Alasca e Flórida, e em Madrid. Trabalhou a rebocar aviões, como piloto de aviões de carga e também como instrutor de voo, antes de ingressar na Iberia, com apenas 22 anos.

Velarde começou a praticar acrobacia aérea em 1999 e mais tarde integrou a equipa nacional espanhola de acrobacia aérea onde conquistou, entre outros prémios, uma medalha de prata por equipas no campeonato do mundo de acrobacia aérea, três medalhas no campeonato europeu e o primeiro lugar individual no campeonato espanhol. Há mais de uma década que é reconhecido pelo Conselho Desportivo de Espanha como um dos desportistas de elite do país.

Quando acedeu à Master Class, em 2015, Velarde reconheceu que tinha muito que aprender e que essa temporada se destinava a ganhar experiência. Em 2016, o Team Velarde colocou essa experiência em prática e o piloto venceu a etapa de qualificação em Spielberg, na Áustria, conseguindo ainda um lugar nos quartos de final em três provas: Chiba (Japão), Budapeste (Hungria) e Indianapolis (EUA).

Os membros do Team Velarde - que incluem o técnico Ted Reynolds, o coordenador de equipa Sergio Catolfi-Salvoni e o manager de equipa e analista de pista e telemetria Anselmo Gámez - estão prontos para evoluir na competição.

"Acredito que 2017 será um ano de consolidação para nós. Já não somos uma equipa nova e aprendemos muito desde que começámos neste incrível desporto", afirma Velarde. "Eu gosto da frase 'às vezes ganhamos e às vezes aprendemos', que é uma descrição fiel da nossa última temporada, onde atingimos objetivos ambiciosos, mas sem a consistência necessária. Agora acho que podemos lutar de igual para igual com as equipas mais rápidas e eu sinto-me pronto para chegar ao topo."